Actividades de Ensino à Distância (E@D) – Orientações

Na sequência do balanço sobre a realização de atividades de Ensino à Distância (E@D), também apresentado no Conselho Pedagógico, cumpre esclarecer alguns pontos que têm dificultado este trabalho:

1. Estando a decorrer o momento final do ano – correspondente ao 3º período – é de extrema importância que todos os alunos compreendam a importância da realização das tarefas solicitadas de modo a permitir a recolha do máximo de informação que garanta uma avaliação justa e adequada no final do ano letivo;

2. Têm ocorrido alguns constrangimentos que dificultam o cumprimento deste objetivo:

   i. Dificuldades em garantir a identidade de alguns alunos, quer nas sessões síncronas, quer nas atividades assíncronas;

   ii. Dificuldades em garantir que as tarefas são mesmo realizadas pelos alunos ou que as presenças nas sessões sincronas são mesmo reais;

   iii. Garantir o máximo da privacidade individual ou do grupo turma, não descurando as situações acima referidas;

Assim, importa definir algumas orientações que procurem minimizar estes problemas e melhorar o funcionamento de todas as áreas no E@D:

  • Reforçamos a necessidade de garantir que quer as tarefas assíncronas, como as síncronas, sejam realizadas em plataformas que permitam a garantia de privacidade, quer de docentes, quer de alunos – (por ex: GClassroom, AlticeCampus ou Microsoft Teams, permitem que assim seja, bem como plataformas síncronas Teams/Zoom, por exemplo);

  • Os alunos devem identificar-se, visualmente, nas sessões síncronas ligando as câmaras de video no início e no fim da sessão, ou quando interagem com o professor se este assim o solicitar;

  • Os alunos devem usar nas plataformas designação que os permita identificar sem qualquer dúvida – através dos emails ou dos nomes. Não devem usar nicknames ou outras designações. Podem ser utilizadas designações ou email que incluam primeiro_nome.ultimo_nome@email.ext ou numero_aluno.turma.AEBA@email.ext ou variantes destas formas. No caso de utilização de emails pessoais deve ser mudada a designação na Plataforma Sincrona/Assincrona de modo a garantir a identificação inequívoca de todos os alunos;

A Direção